Concurso Alerj


Alerj: para cargo de especialista, prova de AFO requer cuidado

Folha Dirigida, 05/01/2017

Os 14.236 candidatos ao cargo de especialista legislativo de qualquer área do concurso Alerj 2016 devem aproveitar os dois meses até a prova objetiva para se garantirem em todo o conteúdo de Administração Financeira e Orçamentária (AFO). O alerta é do professor Marcus Silva, do Mentalidade Concurseira.
 
"O conteúdo de AFO está bastante abrangente e completo. Para o candidato que deseja uma das vagas, recomendo não negligenciar em nenhum tópico, pois a FGV (Fundação Getúlio Vargas, organizadora) deve abordar bem todos os tópicos", destacou. 

Especialista fala de temas certeiros na prova
Marcus Silva salientou que Lei de Responsabilidade Fiscal, Lei nº 4.320/64, sistema e processo orçamentário, mecanismos retificadores do orçamento, ciclo orçamentário e controle e avaliação da execução orçamentária são fundamentais, já que "guardam estreita relação com a natureza das atividades da Alerj". Essa disciplina integra a parte específica da prova objetiva, com 30 questões, considerando mais três matérias. Embora a Alerj não tenha divulgado em edital o número de questões por disciplina na parte específica, Marcus Silva aposta que AFO deverá ter de dez a 12 questões, sendo, junto com Auditoria e Controle na Administração Pública, o assunto mais importante da objetiva. 

O especialista orientou ainda como deve ser o estudo dos candidatos, faltando apenas dois meses para a prova. "Separar os próximos 40 dias para finalizar todo o estudo da teoria é fundamental. Feito isso, nos últimos 15 ou 20 dias o momento é de revisão geral para a prova, com base nos resumos elaborados", aconselhou. Marcus Silva também observou que a FGV não é uma banca superficial, pois gosta de cobrar os assuntos com certo grau de profundidade. "Muitas vezes, ela até confunde o candidato de forma desnecessária. Mas é esse o perfil da banca, e não deve mudar. Portanto, é bom estar preparado para questões dúbias, pois a prova exigirá muita atenção e concentração do candidato", avaliou o professor.

Cartão em março
A prova objetiva para especialista legislativo de qualquer área está marcada para 12 de março, das 15h às 19h. Os especialistas de áreas específicas farão o exame no mesmo dia, mas das 8h ao meio-dia. O cartão, com o local da avaliação, será liberado no site da FGV no dia 7 de março. Para procurador, o calendário é outro. A avaliação desses candidatos está agendada para o dia 12 do próximo mês, e o cartão sairá no dia 7 do mesmo, também no site da FGV. O concurso da Alerj, com 22.128 candidatos (18.491 para especialista legislativo e 3.637 para procurador) é para 40 vagas de especialista legislativo (várias áreas) e quatro de procurador, ambos para graduados. As remunerações variam de R$6.972,84 a R$33.762, e o regime de contratação é o estatutário, que assegura a estabilidade.
 
Serviço



Módulo Básico Para Concursos

Presencial

Ver detalhes
Módulo Básico Para Concursos

Presencial

Ver detalhes



AGENTE DE POLÍCIA CIVIL - DF | PUBLICADO EDITAL 1.800 VAGAS...
OAB - XXXI - 2ª FASE | NOVA DATA DA PROVA 30/08...
COMUNICADO OFICIAL - Adiamento do retorno das atividades presenciais ...
CONCURSO POLICIAL PENAL MG - COMISSÃO FORMADA! PREVISÃO DE 2.420 VAGAS...
TJMG - CONTRATO COM O IBFC FOI RESCINDIDO...
OAB SUSPENDE PRÓXIMAS EDIÇÕES DO EXAME ...
Ver todas

Formas de Pagamento

Exclusivo na Secretaria Pro Labore (somente cursos presenciais)

Certificação e Segurança

Reputação



(31) 3295-2500
Fale conosco