Concurso INSS 2015: banca deve ser confirmada em breve


JC Concursos, 02/09/2015

Boa notícia para quem aguarda o concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS): o órgão já iniciou os preparativos para a contratação da banca organizadora do certame que visará ao preenchimento de 950 vagas.

No dia 7 de agosto, a diretoria de gestão de pessoas do instituto teve uma reunião com o Cebraspe, mais conhecido comoCespe/UnB. Fora isso, nesta semana, responsáveis pelo Sindicato dos Trabalhadores da Saúde, Trabalho e Previdência Social do Estado do Rio de Janeiro (Sindsprev/RJ) confirmaram que, durante encontros recentes, o diretor de gestão de pessoas do INSS, José Nunes Filho, revelou que o processo seletivo será organizado pelo Cespe.

A assessoria de imprensa da autarquia divulgou apenas que “ainda não há definição sobre a organizadora do concurso”. Apesar da resposta do órgão, tudo leva a crer que a seleção poderá ser organizada pelo Cespe, já que, pelo que consta na agenda institucional do INSS, esta foi a única empresa no ramo que participou de uma reunião com José Nunes Filho.

Com isso, cresce a expectativa para que o instituto divulgue, em breve, a oficialização do contrato de prestação de serviços e, logo depois, o edital. Vale lembrar que o concurso INSS poderá ser lançado até o dia 29 de dezembro, data limite estabelecida na portaria publicada no Diário Oficial da União.

Sobre a lotação das oportunidades, o INSS afirmou que tanto as 800 vagas para técnico, quanto as 150 oportunidades para analista "serão destinadas à lotação nas Agências da Previdência Social, nas diversas regiões do país". No momento, o INSS conclui o mapeamento interno necessário à identificação daquelas regiões com maior carência de servidores para fazer a distribuição das vagas.
 
A expectativa é de que sejam abertas oportunidades para São Paulo e diversos outros Estados, como nos últimos concursos do INSS, que aconteceram em 2012 e 2013.

Os cargos do concurso INSS 2015
A função de técnico do seguro social necessita de certificado de nível médio, enquanto a carreira de analista do seguro social requer formação superior em serviço social.
 
Sobre as remunerações, o JC entrou em contato com a assessoria de comunicação do INSS no dia 3 de julho para saber se havia alguma atualização dos valores. Os dados repassados pelo departamento, e que correspondem à tabela oficial de todos os servidores do Poder Executivo Federal, divulgada pelo MPOG, são os seguintes: R$ 5.259,87 para técnico e R$ 7.869,09 para analista, já incluindo auxílio-alimentação de R$ 373. 
 
Os salários referem-se ao nível intermediário (letra A, nível 1), situação em que ingressa um novo servidor na respectiva carreira, consideram a gratificação (GDASS) com pontuação máxima (100 pontos) e jornadas de trabalho de 40 horas semanais.
 
Quanto às atribuições dos cargos, de acordo com o edital do último concurso INSS, o técnico é responsável por proceder ao reconhecimento inicial, manutenção, recurso e revisão de direitos aos benefícios administrados pelo INSS; exercer atividades internas e externas ligadas ao suporte e apoio técnico especializado; executar as atividades de orientação e informação, de acordo com as diretrizes estabelecidas nos atos específicos e outras relacionadas aos fins institucionais doINSS, que venham ser determinadas pela autoridade superior.
 
Já o analista do seguro social é responsável por prestar atendimento e acompanhamento aos usuários dos serviços prestados pelo INSS e aos seus servidores, aposentados e pensionistas; elaborar, executar, avaliar planos, programas e projetos na área de Serviço Social e Reabilitação Profissional; realizar avaliação social quanto ao acesso aos direitos previdenciários e assistenciais; promover estudos sócio-econômicos visando a emissão de parecer social para subsidiar o reconhecimento e a manutenção de direitos previdenciários, bem como a decisão médico-pericial; e executar de conformidade com a sua área de formação as demais atividades de competência doINSS.

Histórico da solicitação do concurso
O  INSS aguardava desde fevereiro de 2014 a liberação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para a realização de um concurso público com 4.730 vagas de níveis médio e superior ainda em 2015. No entanto, a pasta só autorizou 950 oportunidades.
 
A expectativa era que o concurso INSS 2015 tivesse 2.000 vagas para o cargo de técnico do seguro social, 1.580 para analista do seguro social e, ainda, 1.150 para perito médico previdenciário, posto que sequer foi contemplado na autorização concedida pelo MPOG.
 
A carreira de perito médico previdenciário tem como requisito o diploma de curso de graduação em medicina e registro regular no conselho regional de medicina. O vencimento vigente é de R$ 11.756,54 por mês, já contando os benefícios.
 

 







OAB SUSPENDE PRÓXIMAS EDIÇÕES DO EXAME ...
INEP PUBLICA CRONOGRAMA DO ENEM 2020...
POSSÍVEL CRONOGRAMA PARA CONCURSOS DA POLÍCIA FEDERAL...
CONCURSO PÚBLICO CFO-PMMG É SUSPENSO...
PMMG SUSPENDE CONCURSO DO CHO...
TJM - SUSPENSÃO DAS INSCRIÇÕES – COVID 19...
Ver todas

Formas de Pagamento

Exclusivo na Secretaria Pro Labore (somente cursos presenciais)

Certificação e Segurança

Reputação



(31) 3295-2500
Fale conosco